Jornal Correio do Estado - O Jornal que todo Mundo lê

Notícias - Estado

Estado ganha frigorífico para ovinos em Vargem Alta

13 de Junho de 2017 Autor:

Estado ganha frigorífico para ovinos em Vargem Alta

A região Sul do Espírito Santo acaba de ganhar um frigorífico para o abate de ovinos e caprinos. A unidade fica no distrito de Boa Esperança, em Vargem Alta, e terá a capacidade de abater até 80 animais por dia. O registro junto ao Serviço de Inspeção Estadual (SIE) do Instituto de Defesa Agropecuária e Florestal do Espírito Santo (Idaf) foi concedido na última quarta-feira (07).

A expectativa é de que o empreendimento, que deverá entrar em funcionamento até a próxima semana, gere inicialmente 17 empregos diretos.

De acordo com o proprietário do frigorífico “Sempre Amigo”, Ronilo Romeu Altoé, o objetivo é atender criadores de todo o Estado. “Foram investidos cerca de R$ 4,5 milhões para levar à população um serviço de qualidade, devidamente regularizado. Além disso, o custo com o abate será reduzido”, avaliou Ronilo Altoé.

Para o diretor-presidente do Idaf, Júnior Abreu, esta também é uma conquista para os produtores da região. “Este é o primeiro estabelecimento registrado no SIE/Idaf na categoria de matadouro-frigorífico de ovinos e caprinos. Ficamos satisfeitos com a ampliação das plantas no Estado, gerando renda e oportunizando para que os procedimentos sejam feitos com a devida regularidade e contribuindo para a redução dos abates clandestinos”, disse.

O gerente de produção animal da Seag, Anderson Baptista, destacou que o frigorífico vai aprimorar a logística do abate. "Além de gerar 17 empregos diretos, o frigorífico vai garantir ao produtor rural um melhor escoamento da produção, que é o maior gargalo existente hoje no mercado".

 

No Espírito Santo, o abate de ovinos vem crescendo. Em 2014, foram 214 animais abatidos no Serviço de Inspeção Estadual (SIE), sendo que em 2015 o número aumentou para 461 e, em 2016, subiu para 658.



    Comentários (0) Enviar Comentário