Jornal Correio do Estado - O Jornal que todo Mundo lê

Notícias - Economia

Procon de Linhares orienta sobre compra de produtos em promoção para o Dia dos Pais

08 de Agosto de 2017 Autor: Caroline Pereira

Procon de Linhares orienta sobre compra de produtos em promoção para o Dia dos Pais

O Dia dos Pais, comemorado no segundo domingo de agosto, acontece justamente num período em que muitos varejistas oferecem descontos em seus produtos, visando a troca de coleção ou a queima de estoque. São as chamadas promoções e liquidações, que costumam atrair muitas pessoas para o comércio, especialmente aquelas que estão com baixo poder aquisitivo.

Em situações como essas, o Procon de Linhares sugere que o consumidor fique atento às condições da compra, já que nem todos os lojistas concedem o benefício da troca a produtos postos em promoção. Geraldo Benedito Roza, coordenador do órgão, lembra que os comerciantes não são obrigados a trocar itens sem defeito, mas a maioria concede esse benefício para fidelizar o cliente. Portanto, em situações atípicas, como as que envolvem liquidações, cabe ao consumidor verificar as condições junto ao estabelecimento, caso não tenha sido informado por meio de cartazes e avisos espalhados pela loja. "A informação é a principal ferramenta à disposição dos consumidores para um consumo consciente e uma melhor defesa de seus interesses", orienta Geraldo.

Mesmo assim, ele ressalta que o Código de Defesa do Consumidor obriga o estabelecimento a trocar os produtos com defeitos de fabricação, até mesmo se estiverem em promoção. Caso o consumidor observe algum problema no item adquirido, ele terá um prazo de 30 dias para reclamar, em caso de produtos não duráveis, como bebidas, perfumes, chocolates, etc, e de 90 dias para produtos duráveis, como roupas, calçados, aparelhos celulares, entre outros.

Geraldo reforça que a troca ou o reparo do produto só poderá ser feito se o consumidor devolver o item em bom estado de conservação, dentro da embalagem original, sem desgaste e com a nota fiscal. Por isso, mesmo em situações que envolvem presentes, o comprador deve guardar a nota e solicitar que o comerciante faça constar nela o prazo e as condições para a troca.

O Procon de Linhares observa ainda que os produtos de mostruário podem até ser mais baratos, porém costumam apresentar defeitos, como amassos, furos e riscos. Caso o consumidor esteja ciente e informado em nota fiscal de que estará pagando mais barato em decorrência desses problemas, ele não terá o direito de reclamar no futuro.

Em todos os casos, o órgão sugere que o consumidor seja cauteloso e evite as chamadas compras por impulso. A recomendação é que seja feita uma boa pesquisa pelo comércio em busca do melhor preço e qualidade, afinal, nem sempre um produto adquirido em uma promoção possui o melhor custo-benefício.

O Procon acrescenta também que nas compras realizadas pela TV, telefone, internet, catálogo e venda direta, o consumidor tem direito ao arrependimento e pode cancelar a transação, desde que isso seja feito no prazo de 7 dias a contar da data da assinatura do contrato ou do recebimento da mercadoria. Valores eventualmente pagos serão devolvidos e o fornecedor não poderá cobrar multa pela desistência.

 

FOTO: REPRODUÇÃO 



    Comentários (0) Enviar Comentário