Jornal Correio do Estado - O Jornal que todo Mundo lê

Notícias - Cidades

Ações já recolheram 24 mil ton de entulho e mais 12 mil ton de resíduos em Aracruz

10 de Agosto de 2017 Autor:

Ações já recolheram 24 mil ton de entulho e mais 12 mil ton de resíduos em Aracruz

Manter a limpeza urbana é uma das prioridades da Prefeitura de Aracruz.  Aos poucos a imagem da cidade começa a mudar para melhor a partir do esforço e compromisso da atual gestão de oferecer um município saudável aos seus moradores. 

Quase 24 mil toneladas de entulho foram recolhidos nesses primeiros seis meses. Mutirões de limpeza alcançaram bairros, distritos, aldeias e equipamentos públicos de Aracruz, contribuindo para a saúde pública e para o melhor convívio social.

No total, já foram recolhidas mais de 12.400 toneladas de resíduos sólidos, domiciliares e de saúde na cidade. A transformação no aspecto das ruas é notada por quem passa pelos bairros.

O recolhimento de lixo domiciliar, capina, varrição e roçada estão a todo vapor. O serviço de coleta manual para entulhos como colchões, sofás, fogões, geladeiras, móveis em geral, galhos de árvores que ao invés de serem deixados nas ruas ou calçadas, são coletados pela empresa.

A pintura dos meios fios estão sinalizando os locais de fluxos de veículos para evitar riscos de acidentes para os pedestres e tornar as ruas mais seguras.

É importante ressaltar que o município possui a medição de todas as suas ruas e avenidas que embasa a programação de varrições municipais, bem como a quantidade de quilômetros varridos.

Os demais serviços prestados pela empresa de limpeza pública também recebem medições que são fiscalizadas por servidores municipais para fim de pagamento. O valor pago mensalmente a empresa é de aproximadamente R$2,2 milhões. 

Preservar a cidade limpa é dever de todos nós

Mobilizada nesse projeto para deixar Aracruz mais limpa, a administração pede que todas as pessoas se sintam donas de Aracruz e ajudem a cuidar da cidade.

Embalar restos de comida adequadamente, evitar acúmulo de objetos inservíveis no quintal, colocar o lixo para fora de casa somente nos horários de coleta (disponível no site da prefeitura) e separar os itens recicláveis para depositar nos pontos de coleta seletiva são atitudes essenciais para manter a cidade limpa.

Faça sua parte por uma Aracruz mais limpa! 

Em Aracruz, lixo é sinônimo de trabalho e inserção social

A promoção do descarte correto, o reaproveitamento dos resíduos recicláveis e o reconhecimento dos catadores foram os princípios que guiaram a contratação da Associação dos Catadores de Materiais Recicláveis de Aracruz – “Recicle Aracruz”. Gerando e emprego e renda para cerca de 27 catadores.

O recolhimento de material reciclável é feito em parceria com as comunidades, que hoje já estão em processo bem sucedido de conscientização, sobre a importância de separar o lixo úmido do seco e entregá-los em pontos de apoio disponíveis em todos os bairros e distritos do município.

Os associados são capacitados e treinados para visitarem as residências visando sensibilizar, conscientizar e orientar a população sobre a importância de tomar atitudes simples que mantenham a cidade limpa e preservem o meio ambiente, por meio da separação dos resíduos e sua destinação até os pontos de apoio de coleta.

Entenda o contrato de Limpeza Pública

Ao assumir a Prefeitura, a atual administração verificou que a empresa CORPUS Saneamento e Obras Ltda que explorava o serviço de limpeza pública no município não estava cumprindo algumas exigências do contrato e Termo de Referência.

Diante dessa situação e dos pareceres da Controladoria e da Procuradoria e do não interesse da empresa em se regularizar, a prefeitura não compactuando com as práticas já notificadas da empresa e, a fim de garantir o serviço essencial à população, rescindiu o contrato com a Corpus, o que não impediu que a empresa fosse responsabilizada e penalizada pelos serviços não executados.

A prefeitura reconheceu a situação emergencial e autorizou a contratação direta de uma nova empresa para a execução do serviço, tendo em vista que o processo licitatório da Concorrência Pública 004/2014 estava suspenso pelo Tribunal de Contas e Tribunal de Justiça. Desde então a prefeitura está impedida de realizar uma nova licitação para esta contratação.

Por meio de um contrato emergencial foram convidadas cinco empresas com potencial de execução do termo de serviço proposto nos estudos realizados pela Fundação Getúlio Vargas (FGV). Uma das empresas declinou do processo restando quatro concorrentes.  Em fevereiro aconteceu a abertura dos envelopes de cotação de preço da contratação do serviço de limpeza pública, com a presença das empresas participantes e cinco servidores da prefeitura, na qual a empresa SA Serviços de Limpeza e Soluções Ambientais Eireli ME apresentou a melhor proposta entre as demais. A proposta da empresa vencedora ficou 11,77% abaixo da média da cotação entre as quatro empresas participantes. 

Fundação Getúlio Vargas - FGV

É importante ressaltar que com a anuência do Ministério Público Estadual a Prefeitura de Aracruz em 2012 firmou um contrato com a Fundação Getúlio Vargas para o desenvolvimento do Plano Municipal de Gestão de Resíduos Sólidos para servir de base para contratação de empresa responsável pela limpeza pública.

Dessa forma, toda contratação deste serviço prestado e o valor pago por ele seguem baseados no estudo e orientação oferecida, por meio do Plano realizado por essa instituição de renome nacional e internacional.

 



    Comentários (0) Enviar Comentário