Jornal Correio do Estado - O Jornal que todo Mundo lê

Notícias - Agricultura

Safra do conilon cresce, mas produção capixaba total de café deve cair 1,5%

27 de Setembro de 2017 Autor: Caroline Pereira

Safra do conilon cresce, mas produção capixaba total de café deve cair 1,5%

A estimativa para a safra de café do Espírito Santo, em 2017, é de 8,83 milhões de sacas, sendo o arábica 2,92 milhões de sacas e o conilon 5,91 milhões de sacas, representando 33,06% e 66,94% da produção total, respectivamente. Tal resultado representa uma diminuição de 1,47% em relação à safra anterior – a de 2016 foi de 8,96 milhões de sacas. Os dados são da Companhia Nacional de Abastecimento (Conab).

Por meio de uma publicação, o órgão explica que a queda na safra informada para 2017 se deve, principalmente, às condições climáticas desfavoráveis atravessadas pelas lavouras de conilon há cerca de três anos, à florada desfavorável e à bienalidade negativa do arábica, haja vista que na safra de 2016 a bienalidade foi positiva.

Embora tudo indique que a produção total terá uma leve diminuição, a queda já era esperada pelos especialistas do setor, principalmente por conta da bienalidade do arábica. O diretor técnico do Incaper, Mauro Rossoni Júnior, lembra que a safra do conilon deve crescer 17,5%, mas a queda do arábica – que pode chegar a 25% – é um dos responsáveis pelos números mais baixos.

“O que a gente, de fato, esperava é que o conilon crescesse um pouco mais. A expectativa era um pouco melhor – de 20%. A análise oficial da Conab fala em 5,91 milhões de sacas, e a gente esperava que chegasse pelo menos a 7 milhões”, afirma Rossoni. Mesmo assim, ele acredita que o crescimento já registrado é um dado positivo.

Próxima safra

No momento, especialistas e produtores de café esperam que o volume de chuvas aguardado para essa época do ano seja realmente considerável, especialmente para os municípios do interior, conforme relata Rossoni. Ele lembra que o café já está na fase de floração.

Além disso, a renovação das áreas de cultivo e o investimento em novas tecnologias – especialmente aquelas voltadas para sistemas de irrigação mais eficientes – são outras apostas dos produtores visando à próxima colheita.

“Ainda é muito cedo para fazer previsões, mas esperamos que, para a próxima safra (2018), a colheita passe de pelo menos de 7,5 milhões de sacas de café conilon”, declara o diretor técnico do Incaper.  

Colheita nacional

A Conab prevê que a produção brasileira de café alcance 44,77 milhões de sacas de 60 quilos neste ano, ficando abaixo das 51,37 milhões registradas no ano passado.

Do total para este ano, 34,07 milhões de sacas são de café arábica e 10,71 milhões de conilon.  

FOTO: A previsão para a safra de café conilon do Espírito Santo é de 5,91 milhões de sacas, segundo a Conab (Foto: Reprodução/Portal Brasil)



    Comentários (0) Enviar Comentário